Topografia e Cartografia

topografia

Topografia

Na topografia é necessário ter conhecimentos e ferramentas para prestar um serviço de qualidade. Os nossos técnicos, especializados nesta área, têm uma vasta experiência. Dispomos de GPS, programas informáticos e técnicos capazes de efetuar no terreno todo o tipo de trabalhos. Estes serviços de medição de parcelas e infraestruturas servem para fornecer aos interessados um leque de informações pormenorizadas relativas às suas explorações. 

No que respeita à agricultura, um bom estudo da topografia da sua estrutura fundiária irá permitir tomar uma melhor adaptação das culturas. A orientação e o declive são exemplos de parâmetros para uma boa decisão. Por exemplo, se o terreno tem uma declive muito acentuado, poderá adaptar o seu sistema de rega. Colocar uma bomba com a potência necessária, irá fazer om que poupe energia, água e dinheiro.

  • Levantamentos topográficos
  • Processos para IMI
  • Levantamentos arquitetónicos
  • Piquetagens (loteamentos, urbanizações, vias, obras públicas, etc.)
  • Cálculos de áreas e volumes
  • Cadastro rural e urbano

Podemos também fazer a fiscalização de obras públicas e particulares.

Caso pretenda a execução de trabalhos ligados à cartografia, entre em contacto.

 

Definições

Topografia

Topografia (do grego τόπος, topos, que significa “lugar”, “região”, e γράφω, grapho, que significa “descrever”, portanto “descrição de um lugar”) é a ciência que estuda todos os acidentes geográficos definindo a sua situação e localização na Terra. É ainda o estudo dos princípios e métodos necessários para a descrição e representação das superfícies destes corpos, em especial para a sua cartografia. Tem a importância de determinar analiticamente as medidas de área e perímetro, localização, orientação, variações no relevo, etc., e ainda representá-las graficamente em cartas (ou plantas) topográficas.

Cartografia

Cartografia (do grego chartis = mapa e graphein = escrita) é a ciência que trata da concepção, produção, difusão, utilização e estudo dos mapas. A introdução da fotografia aérea e da detecção remota, o avanço tecnológico nos métodos de gravação e impressão e, mais recentemente, o aparecimento e vulgarização dos computadores, vieram alterar profundamente a forma como os dados geográficos são adquiridos, processados e representados, bem como o modo como os interpretamos e exploramos.